sábado, 9 de dezembro de 2017

GRUPO EXECUTIVO DE MERCADO DE PREÇOS DA PETROBRAS AVALIA QUE AUMENTOS DO GÁS DE COZINHA DEVEM SER REVISTOS

Fonte: g1.globo.com

Resultado de imagem para GAS DE COZINHA

Após a disparada nas cotações do gás de cozinha – que subiram 84% para os distribuidores só este ano, dos quais 70% desde o início de junho, a Petrobras informou que irá revisar a metodologia aplicada aos reajustes do GLP de uso residencial, comercializado em botijões de 13 quilos – que é mais consumido por residências e tem grande impacto no bolso das famílias de baixa renda. O Grupo Executivo de Mercado de Preços (Gemp) da estatal reuniu-se para avaliar os resultados da metodologia, e a conclusão é a de que, embora os preços praticados no Brasil devam ser referenciados ao mercado internacional, esta metodologia necessita ser revista.

Embora não esteja claro de que forma será a nova metodologia, o objetivo da revisão será buscar uma metodologia que suavize os impactos derivados da transferência dessa volatilidade para os preços domésticos.