quinta-feira, 4 de julho de 2024

GOVERNO LULA (PT) CORRE PARA LIBERAR VERBAS BILIONÁRIAS DE EMENDAS PARLAMENTARES A TEMPO DE SEREM USADAS ANTES DAS ELEIÇÕES MUNICIPAIS DE 2024

 


O governo Lula (PT) corre para liberar verbas bilionárias de emendas parlamentares a tempo de serem usadas antes das eleições municipais deste ano e, dessa forma, cumprir o que foi acordado com as lideranças do Congresso Nacional e também respeitar a legislação. As emendas são uma forma pela qual deputados e senadores conseguem enviar dinheiro para obras e projetos nas bases eleitorais e ampliar o capital político. A prioridade do Congresso tem sido atender aos redutos e não as localidades de maior demanda no país. As eleições ocorrem em outubro, mas as regras eleitorais determinam que pagamentos desse tipo somente podem ocorrer até 6 de julho (próximo sábado). Após essa data, a União fica proibida de fazer os repasses a estados e municípios. Do total de R$ 52 bilhões previstos no orçamento de 2024 para emendas parlamentares, o governo se comprometeu a liberar cerca de 40% do montante até a trava eleitoral. Esse percentual representa R$ 22 bilhões.